Weby shortcut
logo sus 30 anos topo site

Disciplinas De Núcleo Específico Obrigatórias

<<Voltar

Índice

Avaliação Nutricional (5º período)
Controle de Qualidade em Alimentos (7º período)
Educação Nutricional I (5ºperíodo)
Educação Nutricional II (6º Período)
Estágio de Nutrição Clínica (9º e 10º período)
Estágio de Nutrição em Saúde Pública (9º e 10º período)
Estágio em Alimentação Coletiva (9º e 10º período)
Estudo Experimental dos Alimentos (2º período)
Gestão de Unidades de Alimentação e Nutrição (7º período)
Introdução à Prática Profissional (1º período)
Investigação Científica Aplicada à Nutrição (8º período)
Marketing em Alimentação e  Nutrição (6º período)
Nutrição e Dietética I (3º período)
Nutrição e Dietética II (4º período)
Nutrição em Esportes (8º período)
Nutrição em Saúde Pública I (6 período)
Nutrição em Saúde Pública II (8º período)
Nutrição Materno-Infantil e do Adolescente I (5 º período)
Nutrição Materno-Infantil e do Adolescente II (7º período)
Patologia da Nutrição e Dietoterapia I (5º período)
Patologia da Nutrição e Dietoterapia II (7º período)
Planejamento de Unidades de Alimentação e Nutrição (6 º período)
Técnica Dietética (3º período)
Trabalho de Conclusão de Curso I (9º período)
Trabalho de Conclusão de Curso II (10º período)

 

Avaliação Nutricional (5º período) 

 

Ementa:

Introdução ao estudo da avaliação nutricional. Indicadores do estado nutricional. Métodos e técnicas de avaliação do estado nutricional e de composição corporal. Inquéritos dietéticos. Avaliação bioquímica e clínica do estado nutricional. Prática de avaliação nutricional em serviços de saúde e aparelhos sociais. Bioética da pessoa.

 

Referências Básicas:

-     KRAUSE, M. V.; MAHAN, L. K. Alimentos, Nutrição e Dietoterapia. 11. ed.  São Paulo: Roca, 2005.

-     VASCONCELOS, F. A. G. Avaliação nutricional de coletividades. 4. ed. Florianópolis: UFSC, 2007. 

-       FISBERG, R. M.; SLATER, B.; MARCHIONI, D. M. L.; MARTINI, L. A.; Inquéritos alimentares: métodos e bases científicos. São Paulo: Manole, 2005.

 

Referências Complementares:

-     ACCIOLY, E.; SAUNDERS, C.; LACERDA, E. M. A. Nutrição em obstetrícia e pediatria. Rio de Janeiro: Cultura Médica, 2009.

-     GIBSON, R. S. Principles of nutritional assessment. 2. ed. New York: Oxford, 2005.

-     HEYWARD, V. H.; STOLARCZYK, L. M. Avaliação da composição corporal.  Tradução de Sérgio H. F. Carvalho. São Paulo: Manole, 2000. Tradução de Applied body composition assesment.

-     LOHMAN, T. G.; ROCHE, A. F.; MARTORELL, R. Anthropometric standardization reference manual. Illinois: Human Kinetics, Books, 1988. p. 3-8.

-     SHILLS, M. E.; OLSON, J. A.; SHIKE, M.; ROSS, A. C. Modern nutrition in health and disease. 9. ed. Baltimore: Williams & Wilkins, 1999. 

 

 

Controle de Qualidade em Alimentos (7º período) 

 

Ementa:

Avaliação da qualidade no planejamento de cardápios. Ecofisiologia microbiana na produção de alimentos. Controle de saúde do manipulador de alimentos. Controle higiênico-sanitário em UANs. Vigilância sanitária em alimentos. Legislação sanitária de alimentos. Sistemas e ferramentas de qualidade na produção de alimentos.

 

Referencias Básicas:

-     PROENÇA, R. P. C.; SOUSA, A. A.; VEIROS, M. B.; HERING, B. Qualidade Nutricional e Sensorial na Produção de Refeições. Florianópolis: UFSC, 2005. 221 p.

-     SILVA, J. R.; E. A. Manual de Controle Higiênico-Sanitário em Alimentos. 4. ed. São Paulo: Varela, 2001. 475 p.

-     JAY, J. M.; LOESSNER, M. J., GOLDEN, D. A. Modern food microbiology. 7. ed. Gaithersburg: Aspen Publishers, 2006.

 

Referências Complementares:

-     ABERC – Associação Brasileita das Empresas de Refeições Coletivas. Manual da ABERC de práticas de elaboração e serviço de refeições para coletividades. 9. Ed. São Paulo: ABERC, 2009. 221 p.

-     ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE REFEIÇÕES COLETIVAS. Guia de Controle Integrado de Pragas em Unidades de Alimentação e Nutrição. São Paulo, 2002. 80 p.

-     BARBOSA, H. R.; TORRES, B. B. Microbiologia Básica. São Paulo: Editora Atheneu, 2005. 196 p.

-      GERMANO, P. M. L.; GERMANO, M. I. S. Higiene e Vigilância Sanitária de Alimentos. 3 ed. São Paulo: Manole, 2008, 1032 p.

 

 

Educação Nutricional I (5o período) 

 

Ementa:

Educação e comunicação em saúde. Teorias da educação e aprendizagem. Educação nutricional: conceito, histórico, finalidade e prática. Métodos e instrumentos para educação nutricional de indivíduos e coletividades.

 

Referências Básicas:

-     LINDEN, S. Educação nutricional: algumas ferramentas do ensino. São Paulo: Livraria Editora Varela, 2005. 153 p.

-     MAHAN, L. K.; ESCOTT-STUMP, S. Alimentos, Nutrição & Dietoterapia. 11. ed. São Paulo: Roca, 2005.

-     FAGIOLI, D.; NASSER, L. A. Educação nutricional na infância e na adolescência: planejamento, intervenção, avaliação e dinâmicas. São Paulo: RCN, 2006. 241 p.

 

Referências Complementares:

-     MINISTÉRIO DA SAÚDE. SECRETARIA DE GESTÃO ESTRATÉGICA  E PARTICIPATIVA. DEPARTAMENTO DE APOIO À GESTÃO PARTICIPATIVA. Caderno de educação popular e saúde. Brasília: Ministério da Saúde, 2007. 160 p. (Série B. Textos Básicos de Saúde).  

-     BERBEL, N. A. N. A problematização e a aprendizagem baseada em problemas: diferentes termos ou diferentes caminhos?. Interface – Comunicação, Saúde, Educação, v. 2, n. 2, p. 139-154, 1998.

-     LIBÂNEO, J. C. Tendências pedagógicas na prática escolar. In: LUCKESI, C.C. Filosofia da educação. São Paulo: Cortez, 1994. cap.3., p. 53-75.

-     WERNER, D; BOWER, B. Aprendendo e ensinando a cuidar da saúde. São Paulo: Paulinas, 1991. 383p.

 

 

 

Educação Nutricional II (6º Período)

 

Ementa:

Planejamento, execução e avaliação de programa de educação nutricional.

 

Referências Básicas:

-     LINDEN, S. Educação nutricional: algumas ferramentas do ensino. São Paulo: Editora Varela, 2005. 153 p.

-     MAHAN, L. K.; ESCOTT-STUMP, S. Alimentos, Nutrição & Dietoterapia. 11. ed. São Paulo: Roca, 2005.

-     FAGIOLI, D.; NASSER, L. A. Educação nutricional na infância e na adolescência: planejamento, intervenção, avaliação e dinâmicas. São Paulo: RCN, 2006. 241 p.

 

Referências Complementares:

-     BERBEL, N. A. N. A problematização e a aprendizagem baseada em problemas: diferentes termos ou diferentes caminhos? Interface – Comunicação, Saúde, Educação, v. 2, n. 2, p. 139-154, 1998.

-     FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. 47. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2008. 213p.

-     LIBÂNEO, J. C. Tendências pedagógicas na prática escolar. In: LUCKESI, C. C. Filosofia da educação. São Paulo: Cortez, 1994. cap.3., p. 53-75.

-     MINISTÉRIO DA SAÚDE (Brasil). SECRETARIA DE GESTÃO ESTRATÉGICA  E PARTICIPATIVA. DEPARTAMENTO DE APOIO À GESTÃO PARTICIPATIVA. Caderno de educação popular e saúde. Brasília: Ministério da Saúde, 2007. 160 p. (Série B. Textos Básicos de Saúde). 

-     WERNER, D; BOWER, B. Aprendendo e ensinando a cuidar da saúde. São Paulo: Paulinas, 1991. 383p.

 

 

Estágio de Nutrição Clínica (9º e 10º período)

 

Ementa:

Assistência nutricional a pacientes com cardiopatias, pneumopatias, esofagogastroenteropatias, hepatopatias, pancreatopatias, nefropatias, endocrinopatias, doenças carências e pacientes cirúrgicos e críticos. Saúde Suplementar. Temas atuais (seminário integrador).

Referências Básicas:

-     MAHAN. L. K.; ESCOTT-STUMP, S. Alimentos, nutrição & dietoterapia. 11. ed. São Paulo: Roca, 2005.

-     SHILLS, M. E.; OLSON, J. A.; SHIKE, M.; ROSS, A. C. Modern nutrition in health and disease. 9. ed. Baltimore: Williams & Wilkins, 1999.

-     WAITZBERG, D. L. Nutrição oral, enteral e parenteral na prática clínica. 3. ed. São Paulo: Atheneu, 2000. 2 v.

 

Referências Complementares:

-     ACCIOLY, E.; SAUNDERS, C.; LACERDA, E. M. A. Nutrição em obstetrícia e pediatria. Rio de Janeiro: Cultura Médica, 2003.

-     BARBIERI, D.; PALMA, D. Gastroenterologia e nutrição. São Paulo: Atheneu, 2001.

-     CUPPARY, L. Guia de nutrição: nutrição clínica do adulto. 2.ed. rev. e ampl. Barueri, SP: Manole, 2005.

-     LOPEZ, F. A.; BRASIL, A. L. D. Nutrição e dietética em clínica pediátrica. São Paulo: Atheneu, 2003.

-     MARTINS, C.; MOREIRA, S. M.; PIEROSAN, S. R. Interações droga-nutriente. Curitiba: NutroClínica, 2003.

 

 

Estágio de Nutrição em Saúde Pública (9º e 10º período)

 

Ementa:

Diagnóstico situacional. Gestão (planejamento, execução e avaliação) das ações de alimentação e nutrição na Atenção Básica de Saúde e Educação. Atenção nutricional individual, familiar e coletiva nas ações de promoção da saúde, prevenção de doenças, assistência, tratamento e cuidado. Bioética em Saúde Pública. Temas atuais (seminário integrador).

 

Referências Básicas:

-     MONTEIRO, C. A. Velhos e novos males da saúde no Brasil. A evolução do país e de suas doenças. 2. ed. São Paulo: Huciten/Nupens/USP, 2000. 435 p.

-     CAMPOS, G. W. S.; MINAYO, M. C. S.; AKERMAN, M.; DRUMOND-JUNIOR, M.; CARVALHO, Y. M. Tratado de Saúde Coletiva. São Paulo: Hucitec, 2006. 872 p., v. 1.

-     DUNCAN, B. B.; GIUGLIANI, E. R. J.; SCHIMIDT, M. I. Medicina Ambulatorial: Condutas de atenção primária baseada em evidências . 3. ed. Porto Alegre: Artemed, 2004. 1600p.

 

Referências complementares:

-     BRANCO, R. F. G. A relação com o paciente. Teoria, ensino e prática. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2003.

-     CASTRO, I.R.R. Vigilância alimentar e nutricional: limitações e interfaces com a rede de saúde. Rio de Janeiro: FIOCRUZ, 1995. 108p.

-     CASTRO, J. de. Estudo do conjunto Brasileiro. In: ______. Geografia da fome. O dilema brasileiro: pão ou aço. 6 ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasilieira, 2006. cap 5.

-     SHILS, M. E.; OLSON, J. A.; SHIKE, M.; ROSS, C. Tratado de nutrição moderna na saúde e na doença. 9. ed. SP: Manole, 2002.

-     VICTORA, C. G.; BARROS, F. C.; VAUGHAN, P. Epidemiologia da Desigualdade. 3 ed. São Paulo: HUCITEC, 2006. 195 p.

 

 

Estágio em Alimentação Coletiva (9º e 10º período)

 

Ementa:

Estrutura  de UAN de coletividades sadias e enfermas. Planejamento e controle da produção. Controle de qualidade em UAN. Saúde e segurança do trabalhador. Educação nutricional em UAN. Marketing em UAN. Gestão de resíduos em UAN. Empreendedorismo. Temas atuais (seminário integrador).

 

Referências Básicas:

-     ABERC – Associação Brasileira das Empresas de Refeições Coletivas. Manual ABERC de Práticas de Elaboração e Serviço de Refeições para Coletividades. 9. ed. São Paulo: ABERC, 2009. 221 p.

-     MEZOMO, I. B. Os serviços de alimentação: planejamento e administração. 5 ed. São Paulo: Manole, 2002. 413 p.

-     TEIXEIRA, S. et. al. Administração Aplicada às Unidades de Alimentação e Nutrição. São Paulo: Atheneu, 2004. 219 p.

 

Referências Complementares:

-     ABREU, E. S.; SPINELLI, M. G. N.; ZANARDI, A. M. P. Gestão de Unidades de Alimentação e Nutrição: um modo de fazer. São Paulo: Metha, 2003.

-     KIMURA, A. Y. Planejamento e Administração de Cursos em Restaurantes Industriais. São Paulo: Varela, 2003. 95 p.

-     VAZ, C. S. Alimentação de Coletividade: uma abordagem gerencial – manual prático do gestor de serviços de refeições coletivas. Brasília-DF, 2003. 208 p.

-     SILVA FILHO, A. R. A. Manual Básico para Planejamento e Projeto de Restaurantes e Cozinhas Industriais. São Paulo: Varela, 1996. 232 p.

 

 

Estudo Experimental dos Alimentos (2º período)

 

Ementa:

Introdução ao estudo experimental dos alimentos e ao trabalho prático. Equivalência de pesos e medidas. Estudo dos procedimentos técnicos no preparo de alimentos incluindo a influência afro-brasileira, indígena e européia. Alterações físico-químicas ocorridas nos processos culinários. Grupos de alimentos.

 

Referências Básicas:

-     PHILLIPPI, S. T. Nutrição e dietética. Barueri: Manole, 2003. 390p.

-     ORNELLAS, L. H. Técnica dietética: seleção e preparo de alimentos. 7. ed. São

-     Paulo: Atheneu, 2001.

-     ARAÚJO, W. M. C. Alquimia dos alimentos. Brasília: Senac, 2007. 557p.

 

Referências Complementares:

-     CAMARGO, E. B.; BOTELHO, R. A. Técnica Dietética: seleção e preparo de alimentos. São Paulo: Atheneu, 2005. 167p.

-     COULTATE, T. P. Alimentos: a química dos seus componentes. 3. ed. Porto Alegre: Artmed, 2004. 368p.

-     KÖVESI, B; SIFFERT, C.; CREMA, C; MARTINOLI, G. 400 g: técnicas de cozinha. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2007. 576 p.

-     THIS, H. Um cientista na cozinha. São Paulo: Ática, 1996. 240p.

 

 

Gestão de Unidades de Alimentação e Nutrição (7º período) 

 

Ementa:

Unidades de Alimentação e Nutrição Especiais; Gestão de Pessoas, da Segurança e Saúde do Trabalhador, de Materiais, de Custos e Ambiental em Unidades de Alimentação e Nutrição. Programa de Alimentação do Trabalhador. Ética no ambiente de trabalho.

 

Referências Básicas:

-     ABREU, E. S.; SPINELLI, M. G. N.; ZANARDI, A. M. P. Gestão de Unidade de Alimentação e Nutrição: um modo de fazer. São Paulo: Metha, 2003. 202 p.

-     MEZOMO, I. B. Os serviços de alimentação: planejamento e administração. 5. ed. São Paulo: Manole, 2006. 432 p.

-     KIMURA, A. Y. Planejamento e administração de custos em restaurantes industriais. São Paulo: Varela, 2003. 95 p.

 

Referências Complementares:

-     CHIAVENATO, I. Gestão de pessoas: o novo papel dos recursos humanos nas organizações. Rio de Janeiro: Campus, 1999.

-     TEIXEIRA, S. M. F. G.; OLIVEIRA, Z. M. C.; REGO, J. C.; BISCONTINI, T. M. B. Administração aplicada às unidades de alimentação e nutrição. São Paulo: Atheneu, 2010. 219 p.

-     VIANA, J. J. Administração de materiais: um enfoque prático. São Paulo: Atlas, 2006. 448 p.

 

 

Introdução à Prática Profissional (1º período)

 

Ementa:

A formação do profissional nutricionista. Áreas de atuação e mercado de trabalho. Legislações que balizam a sua atuação. Órgãos e entidades de classe. Bioética: princípios e ética profissional. Integração disciplinar.

 

Referências Básicas:

-     BRASIL. Lei nº 8.234, de 17 de setembro de 1.991. Regulamenta a profissão de nutricionista e determina outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 18 de setembro de 1991. Disponível em: cfn.org.br. Acesso em: 12 abr. 2001.

-     BRASIL. Resolução nº 222, de 21 de maio de 1999. Dispõe sobre a participação do nutricionista em equipes multiprofissionais de terapias nutricionais.

-     BRASIL. Resolução nº 223, de 13 de julho de 1999. Dispõe sobre o exercício profissional do nutricionista na área de nutrição clínica e dá outras providências.

-     BRASIL. Resolução nº 304, de 26 de fevereiro de 2003.  Dispõe sobre critérios para prescrição dietética na área de nutrição clínica e dá outras providências.

-     BRASIL. Resolução nº 334, de 10 de maio de 2004. Dispõe sobre o código de ética do profissional nutricionista e dá outras providências.

-     BRASIL. Resolução nº 380, de 28 de dezembro de 2005. Dispõe sobre a definição das áreas de atuação do nutricionista e suas atribuições, estabelece parâmetros numéricos de referência, por área de atuação, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 28 de dezembro de 2005.

-           MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Conselho Nacional de Educação. Câmara de Educação Superior. Resolução CNE/CES nº 5. Institui Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Nutrição. Diário Oficial da União, Brasília, 9 de novembro de 2001. Seção 1, p.39. Disponível em: mec. gov.br. Acesso em: 12 abr. 2001.

-     PORTAL DO CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS: www.cfn.org.br

 

Referências Complementares:

-     COSTA, N. S. C. A formação do nutricionista - educação e contradição. Goiânia: Editora UFG, 2001, 151 p.

-     ALMEIDA-BITTENCOURT, P. A.; RIBEIRO, P. S. A.; NAVES, M. M. V. Estratégias de atuação do nutricionista em consultoria alimentar e nutricional da família. Revista de Nutrição, Campinas, v. 22, n. 6, p. 919-927, 2009.

-     ANDRADE, L.P.; LIMA, E.S. A formação e a prática do nutricionista: o gênero nas entrelinhas. Nutrire: Revista da Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição, São Paulo, v. 26, p. 109-126, 2003.

-     VASCONCELOS, F. A. G. O nutricionista no Brasil: uma análise histórica. Revista de Nutrição, Campinas, v. 5, n. 2, p. 127-38, 2002.

 

Investigação Científica Aplicada à Nutrição (8º período)

 

Ementa:

Princípios e fundamentos da formulação de projetos de diferentes tipos de pesquisa e áreas da nutrição, discussão de metodologias, redação de projetos. Reflexões bioéticas na ciência e na pesquisa.

 

Referências Básicas:

-     ESTRELA, C. Metodologia científica: ciência, ensino, pesquisa. 2. ed. São Paulo: Artes Médicas, 2005. 808 p.

-     FLETCHER, R.; FLETCHER, S. Epidemiologia clínica: elementos essenciais. 4. ed. São Paulo: ARTMED, 2006. 266 p.

-     VIEIRA, S.; HOSSNE, W. S. Metodologia científica para a área da saúde. Rio de Janeiro: Campos/Elsevier, 2003. 192 p.

 

Referências Complementares:

-     FERREIRA, L. G. R. Redação científica: como escrever artigos, monografias, dissertações e teses. 3. ed. rev. Fortaleza: UFC Edições, 2001. 88p.

 

 

Marketing em Alimentação e  Nutrição (6º período)

 

Ementa:

Conceitos básicos do marketing. Pesquisa, Comportamento do Consumidor e Mercado. Planejamento e Desenvolvimento de Produtos. Serviços. Rotulagem de alimentos embalados. Comercialização de alimentos e bebidas.

 

Referências Básicas:

-     RONKAINEM, I. A. Marketing: as melhores práticas. Porto Alegre: Bookman, 2001. 559p.

-     LIMEIRA, T. M. V. Comportamento do consumidor brasileiro. São Paulo: Saraiva, 2008. 380p.

-     MARTINS, J. S. Redação publicitária: teoria e pratica. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1997. 169p.

 

Referências Complementares:

-     HOFFMAN, K. D. Princípios de marketing de serviços: conceitos, estratégias e casos. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2003.

-     BUTTERFIELD, L. O valor da propaganda. São Paulo: Cultrix, 2005. 224p.

-     SAMARA, B. S. Comportamento do consumidor: conceitos e casos. São Paulo: Prentice Hall, 2005.

 

 

Nutrição e Dietética I (3º período) 

 

Ementa:

Introdução ao estudo da alimentação e nutrição. Hábitos alimentares. Guias alimentares. Carboidratos. Proteínas. Lipídios. Fibras alimentares. Vitaminas. Minerais. Água. Etanol. Alimentos funcionais. Outras substâncias químicas dos alimentos.

 

Referências Básicas:

-     DUTRA-DE-OLIVEIRA, J. E.;  MARCHINI, J. M. Ciências nutricionais. 2. ed. São Paulo: Sarvier, 2008. 603 p.

-     MAHAN, L. K; ESCOTT-STUMP, S. Krause: Alimentos, nutrição e dietoterapia. 10. ed. São Paulo: Roca, 2002. 1196 p.

-     SHILS, M. E; OLSON, J. A; SHIKE, M.; ROSS, A. C. Tratado de nutrição moderna na saúde e na doença. 9. ed. Barueri: Manole, 1999. 1951 p.

-     PHILIPPI, S. T. Tabela de Composição de Alimentos: suporte de para decisão nutricional. 2. ed. São Paulo: Coronário, 2002.

-     UNICAMP / NEPA. Tabela Brasileira de Composição de Alimentos. 2. ed. Campinas, 2006.

 

Referências Complementares:

-     BOBBIO, P. A.; BOBBIO, F. O. Química do processamento de alimentos. 2. ed. São Paulo: Varela, 1992. 151 p.

-     FISBERG, R. M.; VILLAR, B. S.; COLUCCI, A. C.; PHILIPPI, S. T.; Alimentação equilibrada na promoção à saúde. In: CUPPARI, L.; Nutrição clínica no adulto. São Paulo: Manole, 2005. p. 47-54.

-     MANN, J.; TRUSWELL, A. S. Essentials of human nutrition. 2. ed. Oxford: Oxford University Press, 2002. 662 p.

-     SGARBIERI, V. C. Proteínas em alimentos protéicos: propriedades, degradações, modificações. São Paulo: Varela, 1996. 517 p.

 

 

Nutrição e Dietética II (4º período) 

 

Ementa:

Anamnese alimentar. Energia: estimativa do valor energético de alimentos e gasto energético total de adultos e idosos. Avaliação dietética. Elaboração e análise de plano alimentar para indivíduos saudáveis, adultos e idosos. Recomendações nutricionais. Lista de alimentos equivalentes. Vegetarianismo.

 

Referências Básicas:

-     MAHAN, L. K.; ESCOTT-STUMP, S. Krause: alimentos, nutrição e dietoterapia. 11. ed. São Paulo: Roca, 2005. 1242 p.

-     NEPA - NÚCLEO DE ESTUDOS E PESQUISAS EM ALIMENTAÇÃO. Tabela brasileira de composição de alimentos. 4. ed. Campinas: NEPA-UNICAMP, 2011. 161 p.

-     VITOLO, M.R. Nutrição da gestação ao envelhecimento. Rio de Janeiro: Rubio, 2008. 628 p.

 

Referências Complementares:

-     INSTITUTE OF MEDICINE (IOM). Dietary reference intakes: the guide to nutrient requirements. Washington: The National Academies Press, 2006. 543 p.

-     SHILLS, M.E.; SHIKE, M. ROSS, A.C.; CABALLERO, B.; COUSINS, R.J. Modern nutrition in health and disease. 10. ed. Baltimore: Lippincott Williams and Wilkins, 2006. 2069 p.

-     PINHEIRO,  B. V. et al. Tabela para avaliação de consumo alimentar em medidas caseiras. 5. ed. São Paulo: Atheneu, 2004. 131 p.

 

 

Nutrição em Esportes (8º período)

 

Ementa:

Metabolismo energético. Integração metabólica entre os principais tecidos corporais. Adaptações fisiológicas durante a atividade física. Avaliação dietética.  Determinação do gasto energético. Avaliação da composição corporal. Planos nutricionais para diferentes modalidades esportivas. Hidratação. Recursos ergogênicos nutricionais e suplementação.

 

Referências Básicas:

-     HIRSCHBRUCH, M. D.; CARVALHO, J. R. Nutrição esportiva. Barueri: Manole, 2002. 345 p.

-     LANCHA JUNIOR, A. H. Nutrição e metabolismo aplicados à atividade motora. São Paulo: Atheneu, 2002.  85p.

-     MAHAN, L. K; ESCOTT-STUMP, S. Krause:alimento, nutrição e dietoterapia. 11. ed. São Paulo: Roca, 2005. 1242 p.

 

Referências Complementares:

-     BIESEK, S.; ALVES, L. A.; GUERRA, I. Estratégias de nutrição e suplementação no esporte. Barueri: Manole, 2005. 506 p.

-     MAUGHAN, R. J.; BURKE, L. Nutrição esportiva. Porto Alegre: Artmed, 2007. 190 p.

-     McARDLE, W. D.; KATCH, F. I.; KATCH, V. L. Fisiologia do exercício: energia, nutrição e desempenho humano. 5. ed. Rio de Janeiro : Guanabara Koogan, 2003. 1113 p.

-     PUJOL-AMAT, P. Nutrición, salud  y rendimiento deportivo. 3. ed. Barcelona: Espaxs, 2002. 279 p.

 

 

Nutrição em Saúde Pública I (6 período) 

 

Ementa:

Políticas de Saúde no Brasil. Sistema Único de Saúde. Nutrição na Atenção Básica. Direito Humano à Alimentação Adequada. Segurança Alimentar e Nutricional. Alimentação escolar. Economia e Nutrição. Planejamento em Saúde e Nutrição.

 

Referências Básicas:

-     CAMPOS, G. W. S.; MINAYO, M. C. S.; AKERMAN, M.; DRUMOND-JUNIOR, M.; CARVALHO, Y. M. Tratado de Saúde Coletiva. São Paulo: Hucitec, 2006. v. 1. 872 p.

-     MONTEIRO, C. Velhos e novos males da saúde no Brasil. A evolução do país e de suas doenças. 2. ed. São Paulo: HUCITEC/NUPENS/USP, 2000. 435 p.

-     VALENTE, F. L. S. Direito Humano à Alimentação: desafios e conquistas. Ed. Cortez. São Paulo, 2002. 272p.

 

Referências Complementares:

-     MINISTÉRIO DA SAÚDE (Brasil). Secretaria de Vigilância em Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde.  Política Nacional de Atenção Básica. Brasília: Ministério da Saúde, 2006. 68p. (Série E. Legislação de Saúde) (Série Pactos pela Saúde 2006; v. 4).

-     MINISTÉRIO DA SAÚDE (Brasil). Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Política Nacional de Alimentação e Nutrição. 2. ed. rev. Brasília: Ministério da Saúde, 2003. 48 p. (Série B. Textos Básicos de Saúde).

-     CASTRO, J. Geografia da fome. O dilema brasileiro: pão ou aço. 6 ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2006. 318p.

-     DUNCAN, B. B.; GIUGLIANI, E. R. J.; SCHIMIDT, M. I. Medicina Ambulatorial: Condutas de atenção primária baseada em evidências. 3. ed. Porto Alegre: Artemed, 2004. 1600p.

 

 

Nutrição em Saúde Pública II (8º período)

 

Ementa:

O nutricionista e a saúde pública. Políticas e programas de intervenção nas carências, excessos nutricionais e doenças infecciosas. O nutricionista e ações básicas de saúde nos ciclos da vida. Gestão pública em serviços de saúde e educação. Bioética e equidade.

 

Referências Básicas:

-     CAMPOS, G. W. S.; MINAYO, M. C. S.; AKERMAN, M.; DRUMOND-JUNIOR, M.; CARVALHO, Y. M. Tratado de Saúde Coletiva. São Paulo: Hucitec, 2006. v. 1. 872 p.

-     VICTORA, C. G.; BARROS, F. C.; VAUGHAN, P. Epidemiologia da Desigualdade. 3 ed. São Paulo: Hucitec, 2006. 195p.

-     CASTRO, J. Geografia da fome. O dilema brasileiro: pão ou aço. 6 ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasilieira, 2006. 318 p.

 

Referências Complementares:

 

-     MINISTÉRIO DA SAÚDE (Brasil). Secretaria de Vigilância em Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde.  Política Nacional de Atenção Básica. Brasília: Ministério da Saúde, 2006b. 68p. (Série E. Legislação de Saúde) (Série Pactos pela Saúde 2006; v. 4).

-     MINISTÉRIO DA SAÚDE (Brasil). Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Política Nacional de Alimentação e Nutrição. 2. ed. rev. Brasília: Ministério da Saúde, 2003. 48 p. (Série B. Textos Básicos de Saúde).

-     DUNCAN, B. B.; GIUGLIANI, E. R. J.; SCHIMIDT, M. I. Medicina Ambulatorial: Condutas de atenção primária baseada em evidências. 3. ed. Porto Alegre: Artemed, 2004. 1600p.

-     MONTEIRO, C. A. Velhos e novos males da saúde no Brasil. A evolução do país e de suas doenças. 2. Ed. São Paulo: Huciten-USP, 2000. 435 p.

-     SAWAYA, A. L. Os dois Brasis: quem são, onde estão e como vivem os pobres brasileiros. Estudos avançados, São Paulo, v. 17, n. 48, p. 21 – 45, 2003.

 

 

Nutrição Materno-Infantil e do Adolescente I (5 º período)

 

Ementa:

Saúde Materno-Infantil. Crescimento e Desenvolvimento. Aleitamento Materno. O recém-nascido de baixo peso e o prematuro. Alimentação e nutrição do lactente, pré-escolar, escolar e adolescente. Necessidades nutricionais da criança e do adolescente. Atenção Integral à Saúde da Criança e do Adolescente.

 

Referências Básicas:

-     PRIORE, S. E.: OLIVEIRA, R. M. S.; FARIA, E. R.; FRANCESCHINI, S. C. C.; PEREIRA, P. F. Nutrição e saúde na adolescência. Rio de Janeiro: Rúbio, 2010. 460 p.

-     PINHEIRO, M. E. Nutrição do lactente: base científica para uma alimentação saudável. 3. ed. Viçosa: UFV, 2005. 551p.

-     VITOLO, M. R. Nutrição da gestação ao envelhecimento. Rio de Janeiro: Rubio, 2008. 648p.

 

Referências Complementares:

-     MINISTÉRIO DA SAÚDE (Brasil). Cadernos de Atenção Básica – Saúde da criança: nutrição infantil. Brasília: Ministério da Saúde, 2009. n. 23, 113 p. Série A. Normas e Manuais Técnicos – Cadernos de Atenção Básica.

-     MINISTÉRIO DA SAÚDE (Brasil). Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Dez passos para uma alimentação saudável: guia alimentar para menores de dois anos: um guia para o profissional da saúde na atenção básica 2. ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2010. 68 p. Série A. Normas e Manuais Técnicos.

-     INSTITUTE OF MEDICINE. Dietary reference intakes for energy, carbohydrate, fiber, fat, fatty acids, cholesterol, protein and amino acids. Washington: The National Academies Press, 2005. 1331 p.

 

 
Nutrição Materno-Infantil e do Adolescente II (7º período)

 

Ementa:

Saúde da mulher. Pré-natal. Gestação. Gestação na adolescência. Atenção nutricional na gestação, puerpério e lactação. Diabetes mellitus na gestação. Hipertensão arterial na gestação e eclâmpsia. Obesidade na gestação e lactação

 

Referências Básicas:

-     MINISTÉRIO DA SAÚDE (Brasil). Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas e Estratégicas. Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Mulher Princípios e Diretrizes. Brasília: Editora do MS, 2007. 82 p. (Série C. Projetos, Programas e Relatórios). Disponível em: <http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/politica_nac_atencao_mulher2.pdf>.

-     ACCIOLY, E.; SAUNDERS, C.; LACERDA, E. M. A. Nutrição em obstetrícia e Pediatria. 2 ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2009. 649 p.

-     VITOLO, M. R. Nutrição da gestação ao envelhecimento. Rio de Janeiro: Rubio, 2008. 648 p.

 

 

Referências Complementares:

-     MINISTÉRIO DA SAÚDE (Brasil). Pré-natal e puerpério – atenção qualificada e humanizada. Brasília, 2006. 159p. (Serie A. Normas e Manuais Técnicos; Serie direitos sexuais e diretos reprodutivos; n. 5). Disponível em: <http://portal.saude.gov.br/portal/arquivos/pdf/manual_puerperio_2006.pdf>.

-     INSTITUTE OF MEDICINE. Dietary reference intakes for energy, carbohydrate, fiber, fat, fatty acids, cholesterol, protein, and amino acids. Washington: The National Academies Press, 2005. 1331 p.

-     INSTITUTE OF MEDICINE. Weight Gain During Pregnancy: Reexamining the

-     Guidelines. Washington: The National Academies Press, 2009. 336 pg.

-     MAHAN, L. K.; ESCOTT-STUMP, S. Krause: alimentação, nutrição e dietoterapia. 11. ed. São Paulo: Roca, 2005. 1242p.

-     MINISTÉRIO DA SAÚDE (Brasil). Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas e Estratégicas. Marco teórico e referencial: saúde sexual e saúde reprodutiva de adolescentes - versão preliminar. Brasília: Editora do MS, 2007. 56 p. (Série B. Textos Básicos de Saúde)

 

 

Patologia da Nutrição e Dietoterapia I (5º período) 

 

Ementa:

Prescrição dietética. Bioética aplicada à Nutrição Clínica. Dieta normal e dietas especiais. Suporte nutricional enteral e parenteral. Patologia da nutrição e dietoterapia na(s): desnutrição, diabetes, obesidade, bulimia e anorexia, pancreatite e fibrose cística, enfermidades cardiopulmonares e erros inatos do metabolismo.

 

Referências Básicas:

-     MAHAN, L. K.; ESCOTT-STUMP, S. Alimentos, nutrição & dietoterapia. 11. ed. São Paulo: Roca, 2005.

-     SHILLS, M. E.; OLSON, J. A.; SHIKE, M.; ROSS, A. C.  Modern nutrition in health and disease. 9. ed. Baltimore: Williams & Wilkins, 1999.

-     WAITZBERG, D. L. Nutrição oral, enteral e parenteral na prática clínica. 3. ed. São Paulo: Atheneu, 2000. 2 v.

 

Referências Complementares:

-     ACCIOLY, E.; SAUNDERS, C.; LACERDA, E. M. A. Nutrição em obstetrícia e pediatria. Rio de Janeiro: Cultura Médica, 2003

-     COUTINHO, W. Consenso latinoamericano sobre obesidade. Montivideo, 1998. Disponível em: <http://www.abeso.org.br>.

-     CUPPARY, L. Guia de nutrição: nutrição clínica do adulto. 2.ed. rev. e ampl. Barueri: Manole, 2005.

-     ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE. Manejo da desnutrição grave: Um manual para profissionais de saúde de nível superior (médicos, enfermeiros, nutricionistas, e outros) e suas equipes de auxiliares.

-     SOCIEDADE BRASILEIRA DE DIABETES. Tratamento e acompanhamento do Diabetes Mellitis. Disponível em: <http://www.diabetes.org.br>.

 

 

 

Patologia da Nutrição e Dietoterapia II (7º período)

 

Ementa:

Patologia da nutrição e dietoterapia nas enfermidades do esofagogastrointestinais, na intolerância e alergia alimentar, nas enfermidades hepáticas e das vias biliares, renais e câncer e SIDA, e no estresse metabólico.

 

Referências Básicas:

-     MAHAN, L. K.; ESCOTT-STUMP, S. Alimentos, nutrição e dietoterapia. 11. ed. Philadelphia: W. B. Saunders Company, 2005.

-     SHILLS, M. E.; OLSON, J. A.; SHIKE, M.; ROSS, A. C. Modern nutrition in health and disease. 9. ed. Baltimore: Williams & Wilkins, 1999.

-     WAITZBERG, D. L. Nutrição oral, enteral e parenteral na prática clínica. 3. ed. São Paulo: Atheneu, 2000. 2 v.

 

Referências Complementares:

-     ACCIOLY, E.; SAUNDERS, C.; LACERDA, E. M. A. Nutrição em obstetrícia e pediatria. Rio de Janeiro: Cultura Médica, 2003.

-     CUPPARY, L. Guia de nutrição: nutrição clínica do adulto. 2. ed. rev. e ampl. Barueri, SP: Manole, 2005.

-     DANI, R. Gastroenterologia essencial. 2. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2001.

-     RIELLA, M. C.; MARTINS, C. Nutrição e o rim. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2001.

-      WAITZBERG, D. L. Dieta, nutrição e câncer. São Paulo: Atheneu, 2004.

 

 

Planejamento de Unidades de Alimentação e Nutrição (6 º período) 

 

Ementa:

Introdução à Administração, Estrutura Organizacional, Unidades de Alimentação e Nutrição: Características e Planejamento físico-funcional; Planejamento e controle da produção de refeições.

 

Referencias Básicas:

-     ABREU, E. S.; SPINELLI, M. G. N.; ZANARDI, A. M. P. Gestão de Unidade de Alimentação e Nutrição: um modo de fazer. São Paulo: Metha, 2003. 202p.

-     MEZOMO, I. B. Os serviços de alimentação: planejamento e administração. 5. ed. São Paulo: Manole, 2002. 413 p.

-     ROMÃO FILHO, A. A. S. Manual básico para planejamento e projeto de restaurantes e cozinhas industriais. São Paulo: Varela, 1996. 232 p.

 

Referências Complementares:

-     ABERC – Associação Brasileira das empresas de refeições coletivas. Manual da ABERC de práticas de elaboração e serviço de refeições para coletividades.  9. ed. São Paulo: ABERC, 2009. 221p.

-     PROENÇA, R. P. C. Inovação tecnológica na produção de alimentação coletiva. 3. ed. Florianópolis: Insular, 2009. 135p.

-     TEIXEIRA, S. M. F. G.; OLIVEIRA, Z. M. C.; REGO, J. C.; BISCONTINI, T. M. B. Administração aplicada às unidades de alimentação e nutrição. São Paulo: Atheneu, 2010. 219 p.

 

 

Técnica Dietética (3º período) 

 

Ementa:

Técnica Dietética e alimentação saudável. Porções de Alimentos segundo o Guia alimentar para população brasileira. Ficha técnica de preparo e receituário. Aquisição de alimentos. Planejamento de diferentes tipos de cardápios. Cortes de frutas, hortaliças e carnes. Fundos, molhos e condimentos. Elaboração de preparações culinárias. Influência das culturas africana, asiática, indígena e européia na culinária brasileira. Gerenciamento de resíduos.

 

Referências Básicas:

-     PHILLIPPI, S. T. Nutrição e Técnica Dietética. Barueri: Manole, 2003. 390p.

-     ARAÚJO, W. M. C. Alquimia dos alimentos. Brasília: Senac, 2007. 557p.

-     SILVA, S. M. C. S.; BERNARDES, S. M. Cardápio: guia prático para a elaboração. São Paulo: Atheneu, 2004. 195p.

 

Referências Complementares:

-     BARRETO, R. L. P. Passaporte para o sabor: tecnologias para a elaboração de cardápios. 7. ed. São Paulo: Editora SENAC, 2008. 304p.

-     PETERSON, J. O essencial da cozinha. Germany: Konemann, 2000. 299p.

-     ORNELLAS, L. H. Técnica dietética: seleção e preparo de alimentos. 7. ed. São Paulo: Atheneu, 2001.

-     TEICHMANN, I. M. Cardápios: técnicas e criatividade.  5. ed. Caxias do Sul: RDUCS, 2000. 142p.

-     VAZ, C. S. Alimentação de coletividade: uma abordagem gerencial. Brasília: LID, 2002. 206 p.

 

 

Trabalho de Conclusão de Curso I (9º período)

 

Ementa:

Elaboração final  do projeto do trabalho de  conclusão de curso e  levantamento  de dados obtidos da pesquisa realizada pelo discente com base nos fundamentos da metodologia científica.

 

Referências Básicas:

-     SEVERINO, A. J. Metodologia do Trabalho Científico. 22. ed. São Paulo: Cortez, 2004.

-     MINAYO, M. C. S. O desafio do conhecimento – pesquisa qualitativa em saúde. 9 ed. São Paulo: Hucitec, 2006. 406 p.

-     ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS (ABNT). NBR 6023: informação e documentação - referências - elaboração. Rio de Janeiro, 2002. 24 p

 

Referências Complementares:

-     FERREIRA, L. G. R. Redação científica: como escrever artigos, monografias, dissertações e teses. 3. ed. rev. Fortaleza: UFC Edições, 2001. 88p.

-     ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS (ABNT). NBR 14724: informação e documentação - trabalhos acadêmicos - apresentação. Rio de Janeiro, 2005. 9 p.

 

Trabalho de Conclusão de Curso II (10º período)

 

Análise dos dados e redação final do trabalho de conclusão do curso com base nos fundamentos da metodologia científica.

 

Referências Básicas:

-     SEVERINO, A. J. Metodologia do Trabalho Científico. 22. ed. São Paulo: Cortez, 2004.

-     MINAYO, M. C. S. O desafio do conhecimento – pesquisa qualitativa em saúde. 9 ed. São Paulo: Hucitec, 2006. 406 p.

-     ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS (ABNT). NBR 6023: informação e documentação - referências - elaboração. Rio de Janeiro, 2002. 24 p

 

Referências Complementares:

-     FERREIRA, L. G. R. Redação científica: como escrever artigos, monografias, dissertações e teses. 3. ed. rev. Fortaleza: UFC Edições, 2001. 88p.

-     ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS (ABNT). NBR 14724: informação e documentação - trabalhos acadêmicos - apresentação. Rio de Janeiro, 2005. 9 p.