Weby shortcut
logo sus 30 anos topo site
  • Ver todas
  • feira-trocas-2-banner

    Feira de Trocas FANUT - Segunda Edição

    19 a 19 Junho

    No dia 19 de junho das 13:00h às 17:30h, será realizada a feira de trocas no pátio da FANUT. A feira consiste na troca não cambial (sem utilização de dinheiro) de itens, garantindo assim uma nova experiência para seus utilizadores. A feira terá como regras “mão vazia por mão vazia” e “mão cheia por mão cheia”, portanto para que haja a possibilidade da troca de itens é necessário que os visitantes levem algo que já possuem e desejem trocar.

    Às 13h teremos também uma roda de conversa com o título “Moda e consumo consciente”, conduzida pela Thaís Moreira, empreendedora e dona do empório armário, curadora e organizadora de eventos de moda sustentável.

    Todas as atividades são direcionadas a comunidade acadêmica da UFG, incluindo técnicos (as), docentes, discentes e funcionários(as) em geral. A comunidade externa é também bem-vinda à atividade.

    Esta atividade é realizada pelos estudantes da disciplina de promoção da saúde 2:  Ana Luiza Araújo Rocha, Gabriela Costa Marcório, Leticia Araújo Garcês, Luís Gustavo Alves Monteiro, Luiza Matos Gomes, Maria Carolina Boeira Keller, Maria Noêmia Souza de Alcântara, Mellissa Yumi Ferreira, Nathalia Nascimento Fernandes Franco. Com apoio de CISSP-FANUT/ UFG, representada por Camilla Rodrigues, e profa Veruska Prado.

     

    feira-trocas-2

    feira-trocas-2-pag-2

    Leia mais...

  • ivenpssan

    IV Encontro Nacional de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar

    10 a 13 Setembro

    A efetivação do Direito Humano à Alimentação Adequada (DHAA) e da Segurança Alimentar e Nutricional (SAN) passa por uma construção intersetorial e interdisciplinar, em que a construção e a socialização do conhecimento são elementos estruturantes. O Brasil nas últimas décadas conquistou importantes resultados na redução da insegurança alimentar e nutricional incluindo a fome, em decorrência da adoção de um conjunto de políticas de incentivo a alimentação adequada e saudável e promoção e proteção à Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (SSAN). Esses avanços decorrem de ações intersetoriais, associadas a um permanente diálogo com pesquisadores e com a sociedade civil. Contudo, vivemos ainda em um país muito desigual com diferenças importantes no acesso a bens e serviços, principalmente em relação a gênero, etnia e a distribuição regional. Esse contexto leva a expressão da insegurança alimentar e nutricional, seja leve, moderada ou grave. Destacamos ainda a agravante situação da ocorrência de sobrepeso e da obesidade, inseridas no fenômeno crescente de aumento das Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT) em nosso país. Compreender e debater estratégias de atuação sobre esse complexo cenário é fundamental para a SSAN da população brasileira.

     

    A realização do IV Encontro Nacional e I Encontro Goiano de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional com pesquisadores (as) aponta caminhos, baseados em evidências científicas, aos quais servem de orientação ou reorientação das políticas públicas na área. O IV Encontro também contribui para a reflexão sobre os desafios inerentes à pesquisa em SSAN no Brasil: (1) a amplitude do conceito e a promoção de sua apropriação; (2) o diferencial da pesquisa em SSAN em relação aos demais campos; (3) múltiplos referenciais, incluindo questões geográfica, étnica, de gênero, de renda. Vale observar que o campo do conhecimento em SSAN é relativamente novo, porém consolidado, com vários pesquisadores e pesquisas em todos os estados do Brasil. O tema ganhou muito relevo nos últimos anos, ao ponto do Brasil, em termos de publicações, ser um líder mundial, uma referência.

     

    O IV ENPSSAN traz como tema os Paradigmas e desafios para uma ciência cidadã em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional. Esperamos encontrar a cada uma e um que pesquisa e contribui com a produção do conhecimento em SSAN em setembro, 2019, na cidade de Goiânia-Goiás.

    Leia mais...

  • Ver todos